• White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2018 by German Routes contato@germanroutes.com.br

Comercializado por German Routes - Brasil

CNPJ: 32.923.352/0001-05

Um dia (lindo) em Würzburg | Passeio da Lissa e do Tiago

 

Reunindo paisagens medievais, vinícolas em volta e muita história para contar, Würzburg é a porta de entrada da famosa Rota Romântica da Alemanha, um circuito de cidades encantadoras na Baviera, estado mais ao sul do país. E, mesmo cheia de atrações, é possível conhecer Würzburg em um único dia, como fizeram meus amigos Lissa e Tiago, que exploraram cada cantinho da cidade e contam abaixo um pouquinho dessa agradável experiência.

 

A Lissa é brasileira, mora perto de Nuremberg e tem um Instagram cheio de fotos da Alemanha, que você pode seguir também: @aondeeuflor. É bem bacana pois ela dá dicas de beleza, moda e decoração. Além disso compartilha as experiências de viver na Alemanha e suas lindas viagens. Eu adoro :)

 

Veja como foi esse passeio no relato da Lissa:

 

resumo do PASSEIO:

  • Festung Marienberg (Fortaleza Marienberg)

  • Marienkapelle (a capela vermelha)

  • Altes Rathaus (antiga prefeitura) e centro

  • Alte Mainbrucke (principal ponte)

  • St.Kilians-Dom (catedral)

  • Würzburger Residenz (Residência de Würzburg) e jardins

Restaurante: Weinhaus Stachel

 

Relatos detalhados da viagem:

Já fazia bastante tempo que queríamos conhecer Würzburg, a cidade que dá início à Rota Romântica alemã. Sempre ouvíamos muito bem sobre o local e estávamos animados para realizar o passeio. Como moramos a apenas uma hora e meia de distância, fomos de carro e fizemos um bate e volta rápido, de apenas um dia, mas um passeio delicioso!

 

Chegamos em Würzburg por volta das 10h da manhã e nos dirigimos direto à fortaleza da cidade, a Festung Marienberg. O local fica em um ponto bem alto da cidade e, por isso, preferimos subir de carro e estacionar lá. O estacionamento custou 3 €. Outra possibilidade é ir com a linha 9 do ônibus da cidade, que oferece o serviço entre os meses de abril e novembro. Para os que preferem se aventurar a pé, a subida é grande, mas as placas dizem que a duração é de 20 minutos. O acesso aos pátios internos da fortaleza é gratuito.

 

 

Durante 500 anos, a construção serviu de residência e sede do governo do príncipe de Würzburg. Na Segunda Guerra Mundial, a fortaleza, assim como toda a cidade, ficou severamente danificada pelos bombardeios sofridos. Já em 1990 (super recente!), o local foi totalmente restaurado e o Fürstenbaumuseum (ao pé da letra "Museu da Construção do Príncipe") foi aberto em um dos pátios para abrigar e contar toda essa história. Os ingressos custam 4,50 €.

 

 

Outra atração que nos chamou muito a atenção foi uma torre bem alta em frente a esse museu. Ela estava aberta e, quando descobrimos um pouco sobre sua história, ficamos chocados: servia de prisão para a fortaleza. Mas não era qualquer prisão, era claustrofobicamente brutal: a porta que está aberta na foto, na época, não existia. A única entrada se dava pela porta da direita, que dá acesso às escadas da torre. O preso era então conduzido até o alto e, depois, tinha que descer com uma corda, passando pelo buraco no teto da torre. Recluso ali, não tinha acesso a nada e a ninguém. Só conseguiria sair novamente se alguém lhe jogasse a corda outra vez. Fiquei atordoada com essa história toda...

 

 

 

Falando agora de coisas mais leves, visitamos toda a área externa da fortaleza, que é MARAVILHOSA! Há vários jardins e a vista para toda a cidade e para várias vinícolas da região é privilegiada lá de cima.

 

 

 

 

Já era meio dia quando descemos da fortaleza e nos dirigimos ao centro de Würzburg. Estávamos com fome e, por isso, fomos direto ao restaurante Weinhaus Stachel, por indicação da Tati, do German Routes. Comemos super bem e também apreciamos bastante o serviço da casa. Escolhi para mim um tartar de carne e o Tiago foi direto nas batatas cozidas com carne de porco, salsichas e muito molho. Na carta de vinhos, há vários tipos produzidos nas vinícolas da própria região. Tomamos uma taça cada um. A refeição completa já com a gorjeta ficou 45 €.

 

 

Depois de comer (muito), caminhamos até as principais atrações do centro de Würzburg. Passeamos pela praça onde está localizada a Marienkapelle, vermelhinha e muito bonita, e acompanhamos uma pequena feira livre que ocorria no local.

 

 

Indo em direção a Alte Mainbrucke , a principal ponte da cidade, vimos o prédio da antiga prefeitura (Altes Rathaus) e também fizemos várias fotos.

 

 

Chegamos até a ponte e ficamos encantados com a vista que ela fornece para a fortaleza de Würzburg. O local é bem agradável e, por isso, ficamos um tempinho ali, apreciando o momento e vendo os barcos passarem pela eclusa do rio Main. Vale citar também que, logo no início da ponte, há alguns estabelecimentos que servem drinks. Acabamos não bebendo, mas muita gente estava lá com suas tacinhas pela ponte.

 

 Voltamos pelo mesmo caminho e fomos em direção à Catedral da cidade,  St.Kilians-Dom. A entrada é gratuita e o templo é bem grande por dentro, cheio de obras interessantes para ver.

 

 

Depois de visitar a igreja, seguimos até a Residência de Würzburg, ou Würzburger Residenz, um palácio lindo, que se transformou em Patrimônio Mundial da Unesco em 1981. A construção foi erguida entre os anos de 1720 e 1744, leva o estilo barroco e é cercado por um jardim enorme e bastante convidativo. É possível e muito recomendável visitar as instalações internas desse palácio. Os ingressos custam 7,50 € por pessoa.

 

 

Mas como o Tiago e eu preferimos sempre passeios a céu aberto, fomos direto ver os jardins do local. E são maravilhosos e muito bem cuidados!

 

 

 

 

Voltamos pra casa animados depois de passear por tantos locais bonitos. E, só de pensar que Würzburg é apenas a primeira cidade da Rota Romântica, aumenta ainda mais a vontade de explorar cada cantinho desse percurso imperdível da Alemanha.

 

Muito lindo o passeio da Lissa, né? Se você também tem vontade de conhecer Würzburg e a maravilhosa Rota Romântica da Alemanha, entre em contato, pois posso montar um passeio personalizado!

 

Obrigada Lissa e Tiago, mil beijos!!!!

 

E para ficar por dentro de todas as novidades siga o nosso instagram! @germanroutes #germanroutes #guiabrasileiraalemanha

 

Guia brasileira na Alemanha

 

Share on Facebook
Please reload